was successfully added to your cart.

Com o crowdfunding a favor dos escritores, listaremos o que não se deve fazer para publicar seu livro e como o arrecadar verba via uma multidão de pessoas que acreditam no seu projeto pode te ajudar a não pecar, antes de publicar seu trabalho.

Não divulgue demasiadamente sua obra

Você tem toda liberdade pra postar o que quiser, na internet, principalmente sem suas redes sociais, mas não é legal ficar postando, a cada minuto, sobre seu projeto para as pessoas. Elas podem ser futuros investidores de sua obra, e fica bem mais organizado, montar uma campanha de arrecadação numa plataforma de crowdfunding, onde você pode ter explicar detalhadamente sobre seu projeto – sem desagradar ao próximo – e ainda, assessoria de marketing gratuita.

Não fale mal das editoras

Se você enviou seu livro para uma possível editora e não achou conveniente a forma que ela queria publicar seu livro (se haveria alterações na obra, por exemplo), não há necessidade de divulgar isso. Se outra editora ler sua publicação, pensará dez vezes antes de entrar em contato com você.  E essa é outra vantagem que o crowdfunding te dá: LIBERDADE CRIATIVA. Caso queira financiar e deixar o livro do jeitinho que você sempre sonhou, você pode e deve criar uma campanha de financiamento coletivo e lançar já!

Mantenha a postura

Nunca divulgue seu livro dizendo que ele é o novo best-seller  do ano. Numa campanha, por exemplo, foque no conteúdo do livro, para que o futuro contribuidor se identifique com a obra, e faça parte de sua trajetória para lançar seu trabalho.

Apresente um trabalho sem erros de escrita

Parece ululante o que será dito agora, mas para apresentar seu trabalho, tanto pra uma editora, quanto numa campanha de crowdfunding, escreva de maneira correta. Não venha com o papo de que não é revisor, pois até a revisão faz parte da produção literária. Na campanha de crowdfunding, você será o autor e seu número de arrecadações dependerá de você.

 

Crie sua campanha de crowdfunding!

Leave a Reply